Uma cultura organizacional bem estruturada, definida e trabalhada é a chave para que empresas se desenvolvam de forma mais harmônica e promissora. Mas, como ela pode influenciar diretamente neste direcionamento? Primeiro, precisamos entender o que é cultura organizacional e como ela impacta o ambiente de trabalho.

Toda empresa possui valores e métodos ideais de agir, se comunicar, comportar e se relacionar — tanto na relação com os clientes como com os colaboradores. Em prol de estabelecer (e manter) um ambiente de trabalho saudável, é necessário que as pessoas envolvidas na companhia compartilhem dos valores que ela possui e que, juntos, sigam o mesmo propósito e caminho. Neste sentido, surge o conceito de cultura organizacional.

A cultura organizacional é o conjunto de hábitos, crenças e costumes consolidados por meio dos valores e normas das empresas. Esses valores devem ser compartilhados entre todos os colaboradores, de ponta a ponta, afinal, eles manifestam a identidade da companhia.

E como nasce a cultura organizacional de uma empresa?

Geralmente as empresas costumam refletir os valores do(s) fundador(es). Uma pessoa que tenha por convicção que um negócio deve ser pautado pelo respeito e pela amizade possivelmente passará essas convicções como pontos-chaves para o modo de pensar e agir na companhia.

A partir disso, a empresa se desenvolverá sempre levando em consideração esses pontos. Para que os valores sejam sustentados, é preciso que os colaboradores os carreguem e que os clientes tenham demonstrações claras dos mesmos. A cultura organizacional deve ser clara e de fácil reconhecimento.

Entra em cena, nesta dinâmica, o chamado “fit cultural”, ou seja, a compatibilidade entre os valores que uma instituição carrega e os valores que os colaboradores ou clientes acreditam e sustentam.

Um bom alinhamento entre a cultura organizacional e o colaborador é um aspecto que ajuda a reter talentos e fazer com que a área de Gestão e Gente seja cada vez mais precisa na hora de contratar novos funcionários.

O fit cultural também é capaz também de gerar economia de tempo, recursos e dinheiro ao direcionar os esforços para fechar negócios ou contratações de colaboradores com menor margem de erro.

E sua empresa, como ela vê e trabalha a Cultura Organizacional?

Quer saber mais sobre os valores da Numen? Conheça a nossa empresa!

Por Andreia Yukie Tsuruhame, sócia-diretora da Numen.